Porquê o CEO Survey?

Os CEO portugueses entrevistados aparentam ser os mais confiantes, ficando mesmo acima dos valores globais, com 86% a mostrar-se confiantes acerca do crescimento da sua empresa em 2014.

José Alves, Territory Senior Partner da PwC Portugal
José Alves,
Presidente da PwC Portugal

Apesar das recentes evidências de melhoria, a recuperação económica, a nível global, mantém-se frágil. Globalmente, os CEO começam a mostrar-se mais otimistas e, gradualmente, parecem ajustar os seus comportamentos, passando de um “modo de sobrevivência” para um “modo de crescimento”. São sinais que não devemos ignorar, representando sobretudo um presságio, aparentemente positivo, dos anos que se avizinham.

Pese embora os atuais sinais de confiança, que a economia portuguesa começa finalmente a demonstrar, a verdade é que o tecido empresarial, como um todo, ainda não fez a totalidade do reajustamento necessário, nomeadamente pela falta de capitais próprios ao nível das empresas nacionais situadas em outros países. Não obstante este aspeto, grande parte do ajustamento que a economia portuguesa tinha que fazer, já está feito, sendo os mais recentes resultados da economia nacional um “espelho” do sucesso desse mesmo ajustamento.

O nosso 17º Global CEO Survey, cujo objetivo é comparar as perspetivas económicas dos CEO de diferentes partes do globo, mostra-nos que as mudanças introduzidas pelos CEO estão agora menos relacionadas com a preparação para as adversidades económicas, estando cada vez mais relacionadas com a projeção e investimento no futuro das suas organizações.

Depois de termos assistido a uma redução significativa da confiança dos CEO, com Portugal a não ser exceção, emerge agora um otimismo generalizado acerca do futuro, aumentando também, de forma significativa, as expetativas dos CEO portugueses. De facto, quando analisamos conjuntamente os níveis de confiança, os CEO portugueses entrevistados aparentam ser os mais confiantes, ficando mesmo acima dos valores globais, com 86% a mostrar-se confiantes acerca do crescimento da sua empresa em 2014.